PARA HOSPEDAGEM CLIQUE NA IMAGEM

PARA HOSPEDAGEM CLIQUE NA IMAGEM
PARA HOSPEDAGEM CLIQUE NA IMAGEM

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

PROIBIDOS VOOS DE CHEQUE & TREINAMENTO EM SBKP /SBSJ


PROIBIDOS VOOS DE CHEQUE & TREINAMENTO EM VIRA COPOS & SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Estão proibidos desde (17/10/09) até abril de 2010 voos de cheque e treinamentos em Viracopos e São José dos Campos.



NOTAM SBKP:
16/10/09 08:00 – 15/04/10 08:00
AD – PRB CK ANAC E FLT TREINAMENTO, EXC ACFT MIL
REF: ROTAER 3-C-12 AIP BRASIL ENR 2.1.1-3S)

NOTAM SBSJ:
16/10/09 08:00 – 13/04/10 08:00
AD – PROIBIDO CHECK ANAC E FLT TREINAMENTO,
EXC ACFT SEDIADAS SBSJ, ACFT MIL E ACFT DA EMBRAER/ REF: ROTAER 3-S)

Voar News

Piloto aterrissa na estrada



Peoria, Illinois - Um adolescente disse que foi um milagre , que ele foi capaz de sair à pé após seu pequeno avião cair no sábado à noite em Peoria em Illinois .

O piloto, de 17 anos Scott Hall, disse que tiirou a sua licença de piloto aproximadamente a de seis meses.

Pouco depois de decolar com o seu Piper
Cherokee do Aeroporto Internacional de Peoria aproximadamente às 19:00h na noite de sábado. , Hall caiu em uma estrada aproximadamente a 10 quilômetros do aeroporto.
Hall foi embora segundos antes do avião entrar em chamas.
Aproximadamente 15 segundos depois, ele explodiu.
A aeronave acabou colidindo em um poste de luz.
O piloto foi levado para um hospital da área com ferimentos leves.
A Polícia fechou parte da estrada ao tráfego, enquanto os bombeiros apagaram as chamas. A Administração Federal de Aviação já inspecionaram os destroços.

Aviação europeia tem perdas recordes e corta 35 mil empregos


Aviação europeia tem perdas recordese corta 35 mil empregos

Prejuízos operacionais das 30 maiores companhias aéreas europeias deverão chegar aos 2,9 mil milhões de euros até Dezembro, 50% acima de 2001, o ano mais negro da história da aviação

A aviação comercial vive a pior crise da sua história. Só as três dezenas de transportadoras que integram a associação europeia de companhias aéreas AEA deverão apresentar este ano prejuízos operacionais da ordem dos 2,9 mil milhões de euros, 50% acima das maiores perdas de sempre, registadas em 2001, ano dos atentados terroristas em Nova Iorque. As líderes do transporte aéreo europeu esperam transportar este ano menos 22 milhões de passageiros do que em 2008 e só entre as companhias da AEA serão eliminados, até Dezembro, cerca de 35 mil postos de trabalho directos, a que se juntam outros 60 mil indirectos.

Os números foram anunciados na reunião dos presidentes das companhias da AEA que decorreu em Dubrovnic, na Croácia. Uma recuperação significativa está ainda para lá do horizonte para um sector que deverá sofrer mudanças fundamentais na sua estrutura a médio prazo. "As dimensões desta crise não têm precedentes, não vimos nos últimos 35 anos tal devastação e não vamos voltar ao 'normal' de novo", vaticinou o presidente da AEA, Ivan Misetic, acrescentando que "os consumidores estão a mudar as suas expectativas, e isso vai continuar".

A par dos redimensionamentos da rede, da redução da oferta e do adiamento de novas compras de aviões para renovação de frotas, os cortes de pessoal, congelamento de salários e, em alguns casos, até a redução dos mesmos, têm sido algumas das medidas adoptadas pelas companhias para conseguir reduzir custos e fazer face à combinação explosiva de perda de passageiros, queda da tarifa média e aumento dos custos externos com a segurança, os serviços aeroportuários ou a navegação aérea, entre outros, que segundo a AEA já representam quase dois terços das despesas totais das empresas de aviação.

Entre as companhias da AEA, só nos primeiros dias de Outubro, mais três anunciaram programas de redução de efectivos que, no seu conjunto, atingem um total de 2600 trabalhadores. A primeira foi a British Airways, que pretende suprimir mil postos de trabalho através de rescisões voluntárias e colocar outros três mil funcionários em regime de part-time, o que equivale à supressão de 1700 empregos, além do congelamento dos salários do pessoal de cabine por dois anos. Quase em simultâneo, a companhia aérea polaca LOT avançava com um corte de 400 trabalhadores, mais de 11% dos seus efectivos. E, no dia seguinte, foi a vez da Aer Lingus vir a público dizer que tinha identificado 489 excedentários, num total de 3900 trabalhadores, a que se somam outros cem com contratos a prazo a terminar já este ano e que não serão renovados. A Aer Lingus vai também reduzir o salário base acima dos 35 mil euros anuais, bem como todos os prémios, e avisa que se tudo isto ainda não for suficiente, haverá mais despedimentos.

No mês passado, também a Air France lançou um plano de 1500 rescisões voluntárias e a Lufthansa tenciona eliminar 15% da sua força de trabalho. Em todo o mundo a tendência é idêntica, com a associação internacional do transporte aéreo IATA a apontar para 15 mil despedimentos nos tempos mais próximos, só contando com a Air France, Iberia, SAS, Qantas, Japan Airlines e Aeroflot.

DN Economia

Avança fusão Avianca-TACA

avianca_taca

O presidente do grupo Synergy, Gérman Efromovich, que controla a empresa colombiana Avianca, voltou a afirmar que os planos o curto-prazo referentes ao grupo Avianca-TACA não passam por uma mudança de nome das companhias ou mesmo por uma incorporação completa da TACA pelo Synergy, que controlará 67% do grupo formado pelas duas empresas.

Atualmente o processo de fusão se encontra à espera dos trâmites burocráticos que ocorrem nos países onde estão registradas as companhias aéreas. Além de Efromovich, o Presidente da TACA, Roberto Kriete, também ressaltou a intenção de manter inalteradas as duas marcas, que segundo ele refletem a diversidade de países atendidos por ambas. Entretanto, não descartou a criação de uma única empresa no futuro, algo que poderia ser feito gradualmente.

Kriete ainda salientou a importância de se unir forças em virtude da forma como o mercado da região se concentra, usando como exemplo o fato de que 61% do tráfego de passageiros está nas mãos de 5 grandes Grupos/Empresas, sendo eles TAM, Gol/Varig, LAN, Copa/Aero República, e a nova aliança Avianca-TACA.

Chile : Dois helicópteros destruídos após um incêndio no hangar da polícia




Um incêndio seguido de várias explosões e uma nuvem negra de fumaça visível de vários pontos de Coyhaique , o incêndio foi no no setor do aeródromo Teniente Vidal e que destruiu o galpão da Seção Aeropolicial.

Destruindo um helicóptero
institucional e outro civil-

No mesmo local em que funcionava o Grupo de Operações Especiais da Polícia (GOPE).


El diario de Aysen

MUITO PERIGOSO.





Aeroporto de Saint Barthelemy - Caribe, possessão francesa, "saintbarth" para os íntimos. Apenas para aviões pequenos, mas reconhecido como o mais perigoso do mundo. Pilotos gostam de dizer que já pousaram lá, assim de leve, no meio de uma conversa...
Os avião da 1º foto é um D'Havillan-DHC6, um verdadeiro "jeep" para turistas aventureiros.
Zé do povo

Aniversário de Viracopos no Calendário Oficial do Estado de São Paulo.

A editora Viracopos, que fez a primeira revista de aeroporto do país, e que é a responsável pela idealização e realizadora do evento de aniversário do Aeroporto Internacional de Viracopos/Campinas, solicitou para dois poderes legislativos oficializarem a participação deste Evento no Calendário do Estado de São Paulo e do Município de Campinas.Através do Deputado Jonas Donizette, foi homologado no início deste ano pelo Governador José Serra, a data do evento do Aniversário de Viracopos no Calendário Oficial do Estado de São Paulo.
www.viracopos-vcp.com

Virgin domina entretenimento de bordo

Na premiação deste ano, as empresas aéreas do grupo Virgin dominaram e acabaram levando quatro dos oito prêmios de entretenimento de bordo: Melhor das Américas, Melhor da Europa, Melhor empresa de pequeno porte e Melhor Inovação em Entretenimento de Bordo. A Emirates, que foi um dos destaques na premiação de 2008, recebeu dois prêmios este ano: Melhor do Oriente Medio e África e Melhor Empresa de Grande Porte.


Monitor de video de um dos assentos em um dos aviões da Virgin America

Monitor de video de um dos assentos em um dos aviões da Virgin America

Parceria com Exército permite a retomada de obras


A Infraero e o Departamento de Engenharia e Construção do Exército (DEC) acabam de firmar um protocolo de intenções que viabilizará a execução de serviços e projetos, obras e serviços de engenharia, além da retomada de algumas obras que estão paralisadas.

Os aeroportos de Guarulhos, Vitória e Goiânia deverão ser os primeiros beneficiados com a iniciativa.

Para o presidente da Infraero, Murilo Marques Barboza, a parceria entre a Infraero e órgão de Engenharia do Exército é a melhor solução para assegurar a conclusão de obras consideradas críticas.

- “Temos que concluir essas obras e, nesse sentido, a parceria com o Exército é uma solução que nos dá segurança e agilidade, não somente pela reconhecida competência que possui, mas também por ser uma alternativa no âmbito do Ministério da Defesa, conclui Murilo.
Contato Radar

Natal na mira da Azul


logo_azulbanner

Pedro Janot, presidente da Azul Linhas Aéreas, confirmou que a companhia estuda a possibilidade de iniciar voos para Natal/RN.

Janot tambem revelou que a aérea atingiu 93% de taxa de ocupação no mês de setembro e fechará 2009 com 14 aeronaves, servindo 14 destinos.

Para 2010, a Azul pretende receber mais sete aeronaves atendendo 18 cidades e transportando cerca de 3,44 milhões de passageiros

Flightlife

Air Comet regressando



O grupo Marsans
fechou um financiamento de "oito dígitos" que permitirá a Air Comet evitar a falência e elaborar a reestruturação da companhia aérea para seu perfeito retorno a pista.

B777 - Air India


Para proporcionar conforto e luxo aos passageiros nos seus voos de longo curso, a Air India decidiu implantar os recém-adquiridos B777 nestes setores a partir do horário de Inverno a partir 25 de outubro.
A transportadora nacional decidiu também introduzir vôos diários a partir de Washington para Kolkata em 1 de dezembro. "

O Museu do Ar e Espaço de Le Bourget ganha nova aeronave


O Museu do Ar e Espaço de Le Bourget, perto de Paris, no sábado, recebeu uma nova aeronave, um Corvette que irá expandir suas exibições permanentes.


Oferecido pela Airbus, o Corvette nº 31 surgiu no início dos anos setenta em Saint-Nazaire, onde quarenta exemplares foram fabricados.
Estes jatos executivos de pequeno porte com oito a onze lugares em média eram utilizados para o transporte de empregados da Airbus em diferentes locais da empresa.

Projeto do Trem-bala terá mudanças e deve permitir aviões no Campo de Marte



Com o encerramento do período de consulta pública do Trem de Alta Velocidade (TAV) na semana passada, o governo reconhece que dois grandes alvos de críticas ao projeto podem ser reconsiderados. Primeiro, o governo aceita a manutenção do aeroporto para aviação civil na área do Campo de Marte, em São Paulo (SP), onde ficará a estação paulistana do trem-bala. O segundo ponto é a transferência do local da estação em São José dos Campos (SP), prevista originalmente em área de preservação central, para outro local. "O projeto não pode brigar com a sociedade", diz Bernardo Figueiredo, diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Além destas mudanças de projeto, o governo definiu que o financiamento será mesmo pelo Tesouro Nacional, ao contrário da modelagem anunciada publicamente pelo presidente do BNDES, Luciano Coutinho, em 3 de setembro, em evento em São Paulo. Naquela ocasião, o modelo ainda considerava que os recursos sairiam do caixa do banco.

Recorde entre os processos da agência, a consulta pública do TAV recebeu 1500 sugestões de municípios e entidades privadas e não-governamentais. A segunda consulta mais procurada foi a segunda etapa de concessões de rodovias, com cerca de 500 manifestações.

Segundo Figueiredo, o projeto técnico amadureceu ao longo da consulta, que gerou críticas sobre o traçado do TAV, que irá de Campinas ao Rio, passando pela capital paulista. O diretor da ANTT diz, porém, que não deverá haver mudança fundamental no projeto. Ficarão claras, contudo, as polêmicas que os investidores deverão enfrentar ao longo da construção, bem como os desafios socioambientais a serem minimizados, diz.

O Campo de Marte é uma área nobre de São Paulo, com bom potencial de revitalização, diz o diretor. "Mas, rigorosamente, o projeto é de uma estação subterrânea, que pode ser construída sem alterar o funcionamento do aeroporto." A maior preocupação manifestada sobre om uso do aeroporto partiu da aviação executiva, que necessita de espaço para os pousos e decolagens. Na ideia original, essas pistas seriam extintas e a aviação executiva transferida dali. Mas Figueiredo reconhece que, se a decisão final de governo, Estado e município for a preservação da pista para os aviões, ainda assim a estação poderia estar no Campo de Marte. Em São José dos Campos, a sugestão é tirar a estação do Banhado, área de preservação, para transferi-la a outro local mais afastado e estimular a economia nessa nova região.

Nesta semana, a ANTT deve enviar os estudos para o Conselho Nacional de Desestatização (CND) e, se aprovados, até sexta enviará a proposta ao Tribunal de Contas da União (TCU). A meta é colocar edital e contrato para licitação em audiência até o fim deste mês, abrir a concorrência em novembro e encerrá-la em março de 2010. O prazo máximo para término da obra é 2015, mas Figueiredo acredita que algum concorrente pode antecipar a data. Em novembro, a ANTT fará consultas públicas nas cidades com estações do TAV: Rio de Janeiro, Volta Redonda, São José dos Campos, São Paulo e Campinas.
Contato Radar

Piloto herói do Hudson agora é escritor


Chesley Sullenberger III, de 58 anos, conta em livro como suas experiências de vida o ajudaram a executar a manobra que salvou 155 passageiros

PRECOCE: Sullenberger decidiu ser piloto aos 5 anos. Aos 16, já era capaz de conduzir um avião sozinho

Depois de conseguir pousar um Airbus A320 no rio Hudson no dia 15 de janeiro, o piloto Chesley Sullenberger III virou um herói nos Estados Unidos – e uma celebridade em todo o mundo. Primeiro, vieram as entrevistas; depois, os convites para palestras. Agora, o piloto acaba de lançar sua autobiografia: no livro Highest duty: my search for what really matters (algo como “O maior dever: minha busca pelo que realmente importa”), ele narra detalhes do pouso forçado e conta histórias de sua infância e sua paixão por aviões.


Especialista em segurança na aviação e piloto com mais de 19 mil horas de voo, Sullenberger afirma que a experiência acumulada em toda sua carreira foi decisiva para que ele conseguisse pousar o avião com sucesso, salvando a vida de 155 passageiros. Na ocasião, a aeronave havia sido atingida por uma revoada de gansos que destruiu suas duas turbinas pouco depois da decolagem. O pouso na água, executado por Sullenberger, é considerado uma das manobras mais difíceis e arriscadas da aviação.

“Tanto no ar quanto no chão, eu fui formado por muitas lições e experiências poderosas – e muitas pessoas”, escreve o piloto em uma nas primeiras páginas do livro. “É como se esses momentos de minha vida tivessem sido depositados em um banco para quando eu precisasse deles”. Em seguida, Sullenberger passa a narrar essas experiências – desde o momento em que decidiu ser piloto, aos cinco anos, até o dia do acidente, passando pelas primeiras lições de voo e sua entrada na Força Aérea.

Segundo o piloto, a ideia de escrever o livro surgiu pouco depois do pouso forçado. Para narrar sua história, ele contou com a colaboração do escritor Jeffrey Zaslow, coautor do livro A lição final, de Randy Pausch.

No início do mês, Sullenberger foi destaque em jornais de todo o mundo ao anunciar que voltaria a voar. Ele continua a voar pela companhia US Airways, além de assumir funções na área de manutenção e segurança da empresa.
BGA

Airbus dá boas vindas a Abu Dhabi Aircraft Technologies


A Abu Dhabi Aircraft Technologies (ADAT), afiliada à Mubadala Development Company, assinou um acordo que a torna a mais nova associada da rede mundial de MRO (Maintenance, Repair & Overhaul) da Airbus. A ADAT, criada pela Mubadala em novembro de 2007 a partir da transformação da antiga Gulf Aircraft Maintenance Company (GAMCO), está sediada no Emirado de Abu Dhabi e lidera o segmento de serviços técnicos independentes para aviação civil e militar no Oriente Médio.
Desástres Aéreos

Ações da Japan Airlines se recuperam impulsionadas por rumores de resgate



SÃO PAULO - Especulações sobre os novos caminhos da JAL (Japan Airlines) refletiram em alta de 12% em suas ações, recuperando a queda sofrida no pregão de sexta-feira (16).

Segundo fontes não confirmadas ouvidas pela imprensa internacional, a JAL, que busca seu quarto financiamento do governo desde 2001, voltou a negociar uma fusão com as companhias aéreas American Airlines e Delta Air Lines, com intuito de reverter a situação financeira ruim que está passando.

Reestruturação
Além disso, a JAL deverá apresentar um plano de reestruturação revisado, com o apoio de comitê indicado pelo ministério dos transportes japonês. Corroborando essas informações, o jornal Yomiuri publicou que o governo aportará recursos para o plano revisado.

O governo japonês esperava que a JAL se recuperasse apenas com um novo empréstimo estatal, mas investidores pressionam por decisões mais agressivas, como a fusão com as norte-americanas.
Contato Radar

Pluna voará para Foz do Iguaçu


logo_pluna_mini

A partir de 18 de novembro, a Pluna – Líneas Aéreas Uruguayas, terá voos ligando Foz do Iguaçu/PR à cidades como Santiago, Buenos Aires e Montevidéu.

Inicialmente, o voo terá duas frequências semanais, aos sábados e quartas-feiras e serão operados com os CRJ900 da companhia

A Pluna ainda estuda iniciar voos para Brasília, Campinas e Belo Horizonte (Confins) a partir de 2010.

Flight life

Novos voos da Gol


Rio a Teresina sem escalas

A Gol vai anunciar em breve um voo diário ligando o Rio a Teresina sem escalas. Depois de São Luis, o Rio passará a ser servido sem escalas para todo o Nordeste. Os horários ainda serão confirmados, mas o voo deve partir do Galeão pouco depois de 0h30min.

e de Uberlândia para o mundo

Também a Gol vai iniciar operação ligando sem escalas o Rio (Galeão) a Uberlândia. A promissora cidade do Triangulo Mineiro terá desta forma interessante alternativa para se conectar aos voos internacionais que decolam do Rio no fim da noite. Os horários serão divulgados em breve.

Direto da Pista

Obama anuncia interdição aérea contra narcotráfico no Brasil


http://2.bp.blogspot.com/_dTibRPk7UfE/SqbAxBopikI/AAAAAAAAAVw/1CptM4j1mXM/s400/F-15C+ao+lado+de+super+Tucanos+colombianos+em+Medellin.jpg
Dois F-15C da USAF ao lado de dois Super Tucanos Colombianos em Medellin - Colômbia


Presidente Obama anuncia interdição aérea contra narcotráfico no Brasil



O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou hoje a interdição aérea de aviões que poderiam transportar drogas ilegais sobre território brasileiro.

Em uma "determinação presidencial" dirigida aos departamentos de Estado e de Defesa, o líder assinalou que a interdição "é necessária devido à extraordinária ameaça que representa o tráfico de drogas à segurança dessa nação".


Acrescentou que a interdição inclui, pelo menos, o uso de meios efetivos para identificar e advertir um avião suspeito de transportar drogas antes do uso da força. (Nota: Meio Efetivo são as bases americanas na Colômbia?)

A determinação presidencial indicou que o Governo do Brasil tomou as medidas apropriadas para proteger a vida de inocentes tanto no ar como em terra.

A nota instruiu ao Departamento de Estado a publicar a decisão na Gazeta Federal e a notificar ao Congresso.
Blog do vinna

Brasil realizará vacinação contra gripe suína entre março e abril de 2010, diz Temporão


Brasil realizará vacinação contra gripe suína entre março e abril de 2010, diz Temporão

Fonte: Folha OnLine - Via Blog do Crato

O ministro José Gomes Temporão (Saúde) anunciou na noite desta sexta-feira que a campanha de vacinação contra a gripe suína --a gripe A (H1N1)-- será realizada entre março e abril do próximo ano no país. O ministro não prevê, entretanto, a imunização de toda a população, mas garantiu que as pessoas que fazem parte de grupos de risco serão vacinadas. "O Brasil não vai vacinar 190 milhões de habitantes, mas nós trabalharemos com uma estratégia que proteja os grupos mais vulneráveis. Já sabemos que mulheres grávidas, idosos, crianças muito pequenas, profissionais da saúde, e pessoas de baixa imunidade ou em grupo de risco terão de ser vacinados", afirmou Temporão, que participou da Conferência Estadual de Saúde Ambiental no Rio.

A data exata do início da campanha ainda não foi definida. Segundo o ministro, porém, a previsão é que a vacinação comece no final do primeiro trimestre de 2010. "Nossa expectativa é que em março e abril do ano que vem estejamos com essa campanha nas ruas", disse. Cerca de 18 milhões de doses da vacina serão produzidas pelo Instituto Butantan, em São Paulo, enquanto o restante --cuja quantia não foi informada-- será fornecida pelo fundo rotatório da Organização Pan-americana da Saúde e de outros produtores privados. Atualmente, a pasta prepara a licitação internacional para a compra das vacinas. Segundo Temporão, o governo federal liberou um crédito de R$ 2,1 bilhões que deverão ser utilizados para a compra da vacina e medicamentos, para a ampliação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), além da capacitação de profissionais da saúde e da educação.

Pandemia

Último balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, do dia 16 de setembro, contabilizava 899 mortes por gripe suína no país, número que diverge dos dados das secretarias estaduais de saúde. Temporão disse acreditar, no entanto, que a situação será menos grave em 2010 no Brasil. "Dispondo do medicamento, a expectativa é que o ano que vem seja diferente deste ano", disse. "Vamos acompanhar também o que vai acontecer no Hemisfério Norte. Eles ainda não entraram no inverno, mas as informações que nós temos é que o número de internações por síndrome gripal nos EUA, Canadá e Europa já começaram a aumentar e eles estão iniciando a vacinação justamente agora".
BLOG DO VINNA

Avião da TAP interceptado por dois caças alemães




Um avião da TAP foi interceptado por dois caças alemães este domingo sobre a fronteira germânica com a Holanda, depois de o avião ter estado incontactável durante algum tempo, confirmou uma fonte da companhia aérea ao tvi24.pt.

A aeronave em causa, um A320-200, viajava de Lisboa para a capital dinamarquesa, Copenhaga, quando não respondeu a uma tentativa de contato por parte dos Serviços de Controlo Aéreo da Bélgica, mesmo depois de terem sido utilizadas as frequências de emergência, de acordo com o site especializado «The Aviation Herald».

Segundo o site, o avião atravessou incontactável a Holanda e quando entrou em território alemão foi interceptado por dois caças germânicos.

Uma fonte das relações públicas da TAP disse ao tvi24.pt que o comandante da aeronave recebeu um aviso desta intercepção por parte das autoridades alemãs perto da cidade holandesa de Maastricht, sem poder precisar se nessa altura as comunicações já estariam totalmente restabelecidas nos dois sentidos.

A TAP explica que a intercepção se deveu a um «um problema a nível das comunicações» que impediu «durante um período de tempo» o contacto do avião, sem que fosse adiantada a duração desse período. O «The Aviation Herald» diz que ela se prolongou durante 35 minutos e só se resolveu já com o avião sobre o Mar do Norte.

A TAP salienta que na «aviação a segurança é a prioridade» e que foi esse o motivo que levou a força aérea alemã a realizar a intercepção. Esta operação não representou, de acordo com a transportadora aérea portuguesa, «qualquer risco» para os passageiros, não teve «visibilidade» por parte dos ocupantes, nem foi motivo de «perturbação».

«O avião acabou por aterrar em segurança em Copenhaga», disse a fonte da TAP, salientando que o problema com as comunicações «foi reportado e está a ser avaliado».
IOL

Parentes das vítimas do acidente da TAM protestam no Aeroporto Salgado Filho

Parentes das vítimas do voo 3054 da TAM realizaram homenagens e protestos no início da tarde deste domingo em Porto Alegre. Por volta das 12h, cerca de 100 pessoas da Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Voo TAMJJ3054 (AFAVITAM) se reuniram no Largo da Vida, localizado próximo ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, para prestar homenagens às vítimas do acidente. As orações contaram com a presença da soprano paulista Giovanna Maira, simpatizante e apoiadora da associação.

Logo após, às 13h, os parentes seguiram para o saguão do aeroporto para fazer uma manifestação sobre as investigações do acidente aéreo. O resultado divulgado pela Polícia Federal em inquérito, que apontou como culpados apenas os dois pilotos mortos no acidente, desagradou o grupo.



— Nos decepcionamos com o resultado do inquérito da Polícia Federal. Eles dizem que os fatos apontados pela Polícia Civil de São Paulo, que realizou uma investigação séria, não têm relação com o acidente. Agora, vamos aguardar os próximos passos do Ministério Público e o relatório do CNIPA (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) sobre as causas do acidente — declarou Roberto Corrêa Gomes, assessor voluntário da AFAVITAM e irmão do empresário Mário Gomes, vítima do acidente.

O protesto também tinha como objetivo pressionar as autoridades para fiscalizar melhor o transporte aéreo.

— Além de apurar as causas e responsabilidades do acidente, queremos cobrar maior segurança da Anac e da Infraero. Temos visto algumas melhorias, mas ainda tem muito o que ser feito. As empresas têm que ser fiscalizadas e, principalmente, punidas. É preciso que não seja lucro acima de tudo — salientou Gomes, ao ressaltar o exemplo de cidadania e de mobilização da associação, criada há 27 meses

A assessoria de imprensa da TAM disse que não se manifestará sobre o protesto, pois as investigações sobre o caso ainda estão em andamento. A TAM apenas afirmou que, das 199 vítimas, 192 já tiveram acordos de indenização fechados com a empresa e que outras assistências foram prestadas aos familiares das vítimas, como atendimento psicológico e concessão de passagens aéreas.

O acidente da TAM, no dia 17 de julho de 2007, causou a morte de 199 pessoas. O avião percorreu toda a pista do Aeroporto de Congonhas sem conseguir parar e bateu em um prédio na área externa do terminal.

Veja as homenagens e imagens do protesto:

ZEROHORA.COM

Despedida emocionada em tom de revolta

Rio - Ao som da oração do Grupamento Aéreo Marítimo (GAM) feita aos gritos e em tom de indignação pelos policiais, diante de mil pessoas no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, os soldados Marcos Stadler Macedo, 40, e Edney Canazaro de Oliveira, 29, foram enterrados juntos ontem à tarde. Os PMs estavam no helicóptero abatido por traficantes no Morro dos Macacos, em Vila Isabel, sábado. Os dois morreram carbonizados.

Foto: Agência O Dia

Galeria de fotos: Enterro dos PMs, das vítimas e o dia seguinte após a guerra

O coro emocionado foi puxado pelo instrutor de operações aéreas do GAM, Maicon Vasconcelos Pereira, que foi professor dos dois policiais. “Eram pessoas maravilhosas, profissionais excelentes. Stadler era mais reservado. Do Canazaro eu era amigo pessoal. Frequentávamos a casa um do outro e saíamos juntos”, lembrou Maicon. Ele contou que uma placa com os nomes dos dois agentes será colocada na base do GAM.

As homenagens também vieram do céu durante o cortejo. De um helicóptero da PM igual ao que caiu com os dois agentes, PMs jogaram pétalas de rosas durante o cortejo. Minutos depois, foi a vez de policiais civis na aeronave blindada da instituição Civil fazer o mesmo. Canazaro e Stadler foram enterrados com honras militares.

Houve salva de tiros e a banda da PM tocou o hino da corporação no sepultamento. As bandeiras do Brasil que cobriam os caixões foram dadas às famílias. “Meu coração parou, cara”, desabafou o soldado do GAM Felipe ao abraçar o comandante-geral da PM, coronel Mário Sérgio Duarte. Felipe foi amparado por amigos. O secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, também foi ao enterro.

PILOTO ESTEVE NO ENTERRO

O piloto da aeronave que caiu, capitão Marcelo Vaz, compareceu rápido ao cemitério, mas não acompanhou o sepultamento. Com os dedos das mãos enfaixados devido às queimaduras que sofreu ao socorrer Izo Gomes Patrício, policial que está internado com 90% do corpo queimado, o agente do GAM Gonçalves lembrou o acidente. “Ele (Izo) só pedia socorro. Chegamos a nos comunicar pelo rádio e só falaram que a aeronave estava pegando fogo. Não deu tempo de socorrer os outros”, contou ele. Com um cartaz com a foto e um trecho da letra do hino da PM, o tio de Canazaro, César Francisco Canazaro, fez um desabafo emocionado. “A polícia ganhou 5% de aumento para isso (apontando para o túmulo do sobrinho). Por que a Polícia Civil tem helicóptero blindado e a PM não tem?”, questionou ele.

Canazaro estava casado há cinco meses. A mulher de Stadler, Denise Barbosa Macedo, desmaiou e teve que ser socorrida pelos bombeiros. Ele tinha um filho de 2 anos. Associação dos Ativos, Inativos e Pensionistas das Polícias Militares, Brigadas Militares e Corpos de Bombeiros ofereceu R$ 10 mil e a Associação de Cabos e Soldados da PM ofereceu outros R$ 2 mil para quem der pistas que levem aos bandidos que atiraram na aeronave.

O Dia

Piloto sobrevive a queda de avião no Alasca e anda 30 km até ser socorrido

Aeronave caiu na quarta-feira em parque nacional.
Passageiro morreu, e seu corpo ficou nos destroços.

Foto: AP

Destroços do avião Cessna 185 que caiu na quarta-feira (14) no Parque Nacional Denali, no Alasca. O piloto sobreviveu à queda e caminhou mais de 30 quilômetros pela mata até ser socorrido. Daniel McGregor, de 35 anos, está sendo tratado de queimaduras no rosto e nas mãos. Seu estado é bom, segundo o hospital. O biólogo Gordon Haber, de 67 anos, único passageiro do avião, morreu e seu corpo ficou nos destroços.

G1


Mãe coragem

Divulgação
Grávida, a top Gisele Bündchen, a exemplo da atriz Angelina Jolie, está aprendendo a pilotar helicópteros. Gisele foi fotografada num aeroporto de Boston, nos Estados Unidos, cidade onde mora com o marido, o jogador de futebol Tom Brady, tendo aulas.

"Ela é uma das melhores alunas que tenho", disse Keith Douglas, presidente da empresa responsável pelo curso. "Decola, voa e pousa perfeitamente. Está fazendo um grande trabalho." Ainda segundo o piloto, Gisele só tem autorização médica para voar até novembro. Brady também está fazendo o curso.
Isto É - SP

Suspeita de bomba faz avião retornar ao aeroporto meia hora depois de decolar

Um avião da companhia espanhola Iberia, com 250 pessoas a bordo, teve que retornar ao aeroporto internacional de Caracas nesta sexta-feira, meia hora depois da decolagem, por ordem das autoridades de segurança aeroportuária, informaram a Efe fontes da empresa.

Porta-vozes do escritório da Iberia no Aeroporto Internacional de Maiquetía, a cerca de 30 quilômetros de Caracas, confirmaram a Efe que o avião retornou ao aeroporto venezuelano por ordens da segurança aeroportuária, sem dar mais explicações ao respeito.


Os passageiros tiveram que desembarcar e as autoridades venezuelanas "revistaram" o aparelho, disseram as fontes.

Pouco antes das 22h hora local (23h30 de Brasília), a companhia espanhola indicou a Efe que o voo 6700 da Iberia havia sido adiado para hoje de manhã e que os passageiros passarão a noite em hotéis próximos ao aeroporto.

Meios de comunicação locais, que citaram fontes da Torre de Controle de Maiquetía, afirmaram que o avião foi orbigado a voltar por um suposto "alarme de bomba" que resultou "falso", sem que essa versão tenha sido confirmada oficialmente.

EFE

Avião privado cai nas Filipinas e mata pelo menos quatro pessoas

Um avião privado caiu neste sábado sobre armazéns abandonados junto a uma zona residencial em Las Pinas City, ao sul de Manila, nas Filipinas. Bombeiros e membros de serviços de resgate trabalham no local.


A aeronave modelo A DC-3 se dirigia às ilhas Palawan em um voo de teste. Os corpos de quatro passageiros foram descobertos carbonizados entre os destroços do avião. Autoridades ainda investigam o número de passageiros a bordo.
DC

Aeronave colide em cerca ao tentar decolar

Álvaro Aparecido Martins, 52 anos, ficou ferido depois que aeronave que ele pilotava colidiu em uma cerca, no aeroporto de Três Lagoas. O acidente aconteceu por volta das 11 horas de Sábado.

Conforme consta no boletim de ocorrência, as informações do acidente foram repassadas por um funcionário do aeroporto. Ele disse que ao tentar decolar e aeronave de prefixo PT-NBV acabou colidindo contra uma cerca.

No registro da polícia, a família do piloto informou que ele sofreu ferimentos leves e foi encaminhado para o hospital do município.

Midiamax

Barrichello empresta seu avião a Button


O brasileiro Rubens Barrichello pode ter ficado chateado por perder a chance de brigar pelo título da temporada 2009 da Fórmula 1, que ficou com Jenson Button, mas isso não significa que esteja com raiva de seu companheiro de equipe.

Prova disso foi o empréstimo de seu jato particular ao inglês. O campeão voltaria à Inglaterra na noite do último domingo (18), mas foi constatado um problema no avião da British Airways no qual ele voaria e atrasou os planos. Barrichello, solidário com a situação, emprestou seu jato particular para que Button pudesse retornar ao seu país apenas na manhã desta segunda, podendo, assim, comemorar o título com amigos e familiares.

As primeiras aparições públicas de Button na Inglaterra deverão ocorrer apenas na tarde de terça terça-feira, no shopping Bluewater, quando participará de um evento da Virgin Media, que patrocina a Brawn GP.

Revista Racing

"Não é comigo"




A presidente da Anac, Solange Vieira, criou um bordão no Meeting Internacional do Lide, que reuniu empresários na República Dominicana. Perguntada sobre qualquer assunto, da reforma dos aeroportos à entrada de empresas no setor aéreo, ela sempre respondia: "Não é comigo." Um dia depois, os empresários brincavam repetindo a mesma frase.
Isto É Dinheiro - SP

Delegação francesa agradece apoio do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos

REUNIÃONesta semana (13 de outubro), uma delegação francesa composta de juízes de instrução, investigadores, policiais e peritos fez visita de cortesia ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) para agradecer a colaboração da Força Aérea Brasileira depois do acidente com o voo AF 447. A reunião ocorreu no âmbito da cooperação jurídico-internacional.

Após o encontro, a delegação seguiu para Recife (PE). Os visitantes foram Sylvia Zimmermann, juíza de instrução, Yann Daurelle, juiz de instrução e Xavier Mulot, Tenente-Coronel, Diretor de Inquérito da Polícia Nacional Francesa. Além disso, estiveram presentes três adidos policiais da Embaixada da França no Brasil: Laurent Serafini, Patrick Vicente, Philippe Haynau.

ANR

Autoridades liberam avião com americanos



As autoridades indianas autorizaram ontem a decolagem do avião dos Estados Unidos que transportava 205 pessoas, entre elas fuzileiros navais americanos, informou uma fonte oficial, após uma confusão em relação à autorização para o voo em espaço aéreo da Índia.

A aeronave, um Boeing 767 fretado pelo Exército americano, havia sido obrigado a aterrissar na cidade de Mumbai por supostamente violar as normas de identificação aérea para voos com militares. O avião teria, segundo a agência indiana PTI, autorização para transportar civis, mas não militares, pelo espaço aéreo indiano.



T.K. Singha, porta-voz da Aeronáutica indiana, disse que as autoridades permitiram a decolagem do aparelho após o cumprimento dos devidos trâmites. Funcionários da Alfândega, policiais e oficiais da Aeronáutica interrogaram o piloto do avião, operado pela companhia North American Airlines. Em seguida, o avião, que ia para Bangcoc, na Tailândia, foi autorizado a seguir. “É um avião de transporte. Ele tinha autorização da Direção Geral de Aviação Civil para voar no espaço aéreo indiano. No entanto, transportava militares, motivo pelo qual o avião deveria ter obtido uma autorização de rota operacional aérea, requerida para aviões militares”, esclareceu Singha.

A embaixada dos EUA na Índia e o Ministério de Relações Exteriores ajudaram as autoridades aeroportuárias a liberar a decolagem.
Folha de Pernambuco - PE

Suposto sócio pode ter ajudado pai de "menino do balão" em farsa

Rick Wilking/Reuters
Richard Heene com o filho Falcon, 6; suposto sócio pode ter ajudado em farsa
Um suposto sócio de Richard Heene --pai do garoto Falcon Heene, 6, que ficou conhecido como "menino do balão" depois que foi anunciado que ele estaria em um balão desgovernado que sobrevoou o Colorado-- pode ter ajudado os Heene na elaboração da farsa.

As informações foram divulgadas pela polícia local, que diz ter encontrado e-mails trocados há alguns meses por Heene e um homem identificado como Robert Thomas, nos quais eles discutiam a organização de uma armação similar como parte de uma campanha de relações públicas para promover um reality show.

"Nós já sabemos que certamente houve uma conspiração entre o casal, mas há indícios, como a troca de e-mails, que indicam que podem haver outros conspiradores", afirmou o xerife do Condado de Larimer, Jim Alderden.

Investigadores devem interrogar Thomas, que também é de Denver e, nos últimos dias, divulgou que Heene teria lhe contado a respeito do golpe publicitário que planejava. Thomas vendeu a história ao site Gawker.com e enviou e-mails trocados entre ele e Heene. De acordo com o suposto sócio, Heene seria mostrado no reality show como um cientista amador.

O editor-chefe do site Gawker.com, de Nova York, confirmou que Thomas foi pago pelo relato que deu base à reportagem intitulada: "Exclusivo: Eu ajudei Richard Heene na farsa do balão". No entanto, ele não revelou a quantia paga.

Thomas, 25, disse ao site que o plano do qual ele tinha conhecimento não envolvia os filhos do casal.

Mídia

Neste domingo, Alderden anunciou que a polícia investiga a existência de cúmplices, "inclusive a possibilidade de que alguns veículos de mídia tinham conhecimento sobre a farsa". Também ontem, o xerife confirmou que o episódio foi um golpe publicitário armado pelos pais.

O casal--que se conheceu durante um curso de interpretação em Hollywood e participou em duas ocasiões do reality show "Wife Swap" ("Troca de Família")-- negociava a participação da família em outro reality show televisivo.

De acordo com o xerife, documentos apontam que um veículo de comunicação havia concordado em pagar aos Heenes em algo que envolveria o episódio do balão. Ele não forneceu detalhes nem revelou qual veículo seria esse, dizendo apenas que se tratava de um show que "confunde a linha que separa entretenimento de notícia".

Não ficou claro se o trato teria sido fechado antes ou depois do episódio armado pelos pais.

Alderden disse ainda que o casal não está detido, e que espera acusá-los por conspiração, contribuição para a delinquência de menor, falso testemunho a autoridades e tentativa de influenciar funcionários públicos. Crimes federais também podem ter sido cometidos.

De acordo com a polícia, os Heenes podem ser condenados a até seis anos de prisão e multa de US$ 500 mil [cerca de R$ 850 mil]. O xerife disse ainda que tentará fazer com que eles paguem pelos prejuízos causados pela fraude, cuja estimativa ainda não foi levantada.

Farsa

A atenção mundial se voltou para os Hennes na última quinta-feira (15), quando foi divulgada a suspeita que Falcon estivesse a 2.000 metros de altura em um balão caseiro que o pai mantinha nos fundos de casa. O balão foi perseguido ao longo de 100 quilômetros no norte do Colorado, sendo acompanhado ao vivo por inúmeras emissoras de TV.

Cerca de cinco horas depois, Falcon apareceu são e salvo no sótão da garagem de sua casa, onde, segundo a família, esteve o tempo todo.

Segundo a versão da família, ele tinha desaparecido depois de levar uma bronca de seu pai. Quando soltaram o balão, o filho mais velho, Bradford, afirmou que o menino estava lá dentro.

A busca por Falcon mobilizou os serviços de emergência e as autoridades de aviação, chegando a interromper as operações no aeroporto de Denver.

As primeiras suspeitas de farsa surgiram depois que, durante uma entrevista da família Heene a um canal de TV, Falcon foi questionado por seu pai por que não respondia quando era chamado e respondeu: "Você disse que fizemos isso para um programa".

De acordo com o xerife, os três filhos do casal sabiam da armação, mas não devem ser indiciados por causa da idade. O filho mais velho tem dez anos.

Ele diz acreditar que o caso tomou proporções maiores do que o próprio casal imaginava. "O episódio tomou a atenção da mídia mundial, e imagino que nem eles esperavam isso", afirmou.
Folha Online

Vendendo o quê?


Os suecos do caça Gripen oferecem à FAB a metade do preço dos concorrentes. Mas como medir o valor real do avião da Saab? A Boeing oferece um caça em ação e mais a tecnologia. A Dassault idem. Já os suecos vendem apenas um projeto, com tecnologia a desenvolver.
Isto É - SP